segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Rescaldo Ciclone 27-12-2009

Aquilo que poderia ser considerado o ultimo passeio do ano com a devida alegria de mais um ano passado, transformou-se no momento de grande tristeza e preocupação....
Inicio ás 8 horas conforme combinado, desta vez só 2......(e já diz o ditado...poucos mas bons) eu e o Rodas....novo membr
o efectivo dos PÓTRILHOSBTT.....anda lá moço tu até mereces.....
Frio qb com uma estirada de +/- 6 km em alcatrão até atingir a terra desejada.....qd entramos no "mato" aí sim os arrepios pois o que víamos parecia que tinha desabado algo incontrolável pelo nosso quintal.... árvores por terra de porte considerável......casas com os telhados danificados, barracões completamente destruídos.........realmente só visto....muito poderia aqui escrever no entanto deixo os comentários para as fotos que disponibilizamos pois nem 1000 palavras descrevem o que vimos......
Infelizmente o nosso estado de espírito no final não era o melhor após 43 km de vermos muita destruíção, famílias destroçadas, empregos em risco.....

Até 2010.....


Um abraço
Paranhos

domingo, 20 de dezembro de 2009

Rodas100mãosmetralhas btt - Sta.Cruz - Dez.09

Por lapso e por falta de padrinho á altura este passeio domingueiro deveria ter o nome de INVERNAL... sim pois a temperatura á hora do encontro era de 2 graus.... pés, mãos, cara.... e sei lá mais o quê!!!!!!!!!!!!! estava tudo gelado.....
Desta feita o Mordomo foi o RODAS, pois ninguém como ele conhece o nosso quintal....
Inicio bastante interessante pelas Arribas e Praia da Vigia para abrir o apetite.... todos os membros do pelotão ficaram de boca aberta pois a beleza dos trilhos a isso obrigava.....
Rapidamente passamos à pedreira e aí o primeiro contratempo.... um furo, acontece. O problema foram os mecânicos, por certo nunca viram uma prova de Formula 1... pois o tempo da reparação passou o razoável....... (para aí 30 minutos).... e aí o gelo foi duro de mais. Eu, o Nuno e depois o Rodas junto a uma encosta a tentar fintar o vento e frio, para que não se apoderassem de nós, mas tarefa impossível.
Furo remendado e lá fomos nós tentando ganhar ritmo de novo..... Superada a Pedreira e ai esta a uma bela vista sobre a Praia de Stª Rita, onde os Single tracks e a beleza paisagística lutavam arduamente para nos chamarem a atenção, pois ambas são inesquecíveis.... descida até à Fonte dos Fades.... de seguida uma subida com grau de dificuldade significativo, seguido de mais um Single track a descer 5 estrelas.... aqui tivemos a 1.ª baixa, o selim do António não aguentou a velocidade e a técnica imposta para ultrapassar das dificuldades....
Pelos trilhos do Vimeiro e A-dos-Cunhados tudo correu dentro da normalidade. O ritmo, por não ser rápido, permitia que todos conseguíssemos desfrutar da beleza dos trilhos.... até que o Nuno decidiu atalhar o caminho pela estrada, os seus níveis físicos não estavam no seu melhor e o caminho em falta implicava um esforço suplementar........
Continuação do percurso até que um dos elementos fez com que eu e o Rodas tenhamos voltado para trás à sua procura, porque a sua reduzida velocidade fez com que se tenha perdido. Isto permitiu uma rápida fuga dos elementos mais rápidos.... logo de seguida o Mordomo foi forçado a abandonar os seus convidados, em virtude dos afazeres familiares. Tentei chegar á cabeça do pelotão, só que o ritmo era demasiado elevando não me permitindo que as minha intenções fossem concretizadas.....
Em resumo, passeio a repetir e lição retirada, este tipo de eventos não pode ter um só elemento conhecedor do percurso pois nem sempre é possível manter os convidados em sintonia e esta falta causou algum maus estar entre os participantes.....
Aqui ficam as nossas fotos:

e as fotos do Jorgeginga's:

Um abraço
Paranhos

domingo, 13 de dezembro de 2009

Caminhos de Fátima.....Loures....MARL.....


Grande manhã de BTT...
Sem duvida que tudo foi um espectáculo....frio QB, e uma companhia que mais uma vez se prova que é do melhor....
Saída do Laboratório Militar, por volta das 9h.....passeata pela expo (aquecimento) até chegarmos aos verdadeiros caminhos de Fátima, zona que para mim era totalmente desconhecida e que me deixou satisfeito por conhecer....ao chegar a Alpriate, aonde o desvio foi bem vindo, pois o que seguia era deveras surpreendente....aí começamos a subir, uma pequena paragem para retemperar forças.....uma frutinha e água para ajudar a não desidratar depois recomeçamos e aí começamos novamente a
subir, subir, subir...até a mais uma paragem aonde a vista era formidável aí encontramos uns companheiros das andanças que bastante importantes foram pois permitiram tirar uma foto para a posterioridade dos 3 bravos......
O Osório bem dizia....isto é o principio......vamos chegar aquelas EOLICAS.....e eu cá para mim....com a minha veia religiosa.....há-de ser o que Deus quiser e logo de seguida descida fantástica que permitiu deixar uns tais destruidores de trilhos (chamados motoqueiros) de boca aberta pois detectaram que todas as nossas bicicletas eram "deficientes" ás quais lhes faltavam um braço...dahhhhhh....mas pronto deixá-los ficar pois a nossa velocidade em descida supera qualquer média final de passeio domingueiro....
Paragem para enchimento do "cantil" (segundo termo militar, utilizado pelo nosso guerreiro Osório) no Zambujal e a partir daí sim....toca a subir até ás eólicas....subida fantástica que para mim já me era conhecida mas em sentido contrário no passeio organizado pelos TNT de Santa ria.....e aí prova superada com o apoio incondicional do Osório que com todas as suas directrizes e motivação fui capaz de colocar uma bandeira de conquista pessoal....(agora que estou a ver no Google Earth, a que vejo que estivemos quase em Fanhões)
A partir daí ritmo mais elevado pois as descidas eram apetecíveis e que permitiam o aumento significativo da média com um retemperar de forças em Alpriate aonde pude constatar que se trata de um ponto de encontro de BTTistas e aonde os meus companheiros tiveram um tratamento especial......(só faltaram as massagens........)
Chegada ao laboratório Militar ás 13h...com uma média de quase 15km/h e 50 km ultrapassados com mestria e aonde pude confirmar que o BTT já me permitiu conhecer gente de um nível muito superior ao andamento....
Mais uma vez obrigado Adalberto e Osório pela manhã proporcionada.......para ser perfeito realmente só faltou o nosso grandioso Nuno...

Um abraço até Domingo em Santa Cruz....


Paranhos

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Monsanto btt - Versão Feriado - Dez09

Mais ritmo, maior sequência, single tracks fantásticos e companhia fora de série. Encontro a hora marcada e inicio premiado com um single track a descer, que deixou marcas na perna do Pedro.
Hoje o terreno estava um pouco mais seco, embora se mantivesse com bastante lama nos locais mais protegidos do sol. Desta feita no inicio algumas subidas a "Americana", em alguns casos para todos, até porque a lama e as raízes não deram tréguas....
Com o ritmo moderado e com a conversa animada, foi tudo uma questão de dar ás pernas.....o Osório e o Adalberto estiveram 5 estrelas como guias....
A Mata de Monsanto como já é do conhecimento comum é um local com uma área total reduzida no entanto bastante diversificado....
O intervalo para descanso não faltou....e realmente já deu para ver que estamos no sitio certo a treinar pois realmente somos nós os campeões....
Se o tempo permitir até domingo....e só é pena é não ser feriado também 3ª que vem.....

Um abraço...
Pedro e Nuno

Fotos:

domingo, 6 de dezembro de 2009

Monsanto btt - Domingueiro

Manhã fria e com a chuva a ameaçar fazer-nos companhia. Perfeito para ficar na cama ou quem sabe, chafurdar na lama da mata de Monsanto.
Uma volta como tantas outras, não fosse o facto de muitos bttistas terem tido a mesma ideia e rumarem a Monsanto. Cruzamos-nos com diversos e acabamos por nos juntar a tripla, Pena, Johnnyboy e Ricardo.
Conhecemos novos trilhos, alguns single tracks fantásticos e muito sobe e desce. Os kms percorridos foram poucos, no entanto o ditado confirma "poucos mas bons". Serviram para reforçar que o btt é muito mais do que andar de bicicleta por montes e vales. O convívio, a camaradagem e partilha de conhecimentos, rechearam os poucos kms pedalados.
Aqui fica o agradecimento ao Pena, ao Johnnyboy e ao Ricardo, pela companhia proporcionada.


O pó dos trilhos, alimenta-nos o ego.
Ndraker e Paranhos

domingo, 22 de novembro de 2009

A-dos-Cunhados BTT - Novembro 2009

Hoje foi dia de lutar contra a ferrugem. Um pouco depois das 7:30 da manhã e já estávamos a caminho da minha terra encantada, A-dos-Cunhados.
Como habitualmente fomos os primeiros a chegar. Entre café e breve leitura do jornal, lá chegou a armada do GPS.
Perto das 9:00 demos a volta ao cento e fizemos-nos ao caminho. Os trilhos começaram por nos revelar novos percursos, mas alguns quilómetros volvidos e surgem diversos caminhos já antes explorados.
O ritmo foi lento, muito por culpa da ferrugem dos meus músculos e não chegamos a superar os 30 km, mas mais uma vez prevaleceu o espírito do BTTista e só por razões profissionais é que não chegamos todos ao fim, porque o primo do Rodolfo foi obrigado a cortar caminho para responder a uma chamada de trabalho.
A chegada ás piscinas de A-dos-Cunhados, foi para mim uma satisfação, mas para o Pedro, o Rodolfo e o Paulo, foi claramente um saber a pouco.
Consumida a manha de domingo, resta lavar, guardar o material e aguardar pelo próximo fim de semana...
Fotos:

O pó dos trilhos alimenta-nos o égo, (neste caso especifico a lama...)
NDraker e Paranhos

domingo, 18 de outubro de 2009

Idanha-a-Nova - Monsanto 18 de Outubro 09


Grande fim de semana e como rescaldo não poderei só falar no dia da maratona mas sim desde a saída de Barcarena "o Nuno", passando por Alfragide "Eu/ Pedro" e como ultima escala de recolha Sacavém para "recolher" o Adalberto e o Osório......

Antes de mais terei de agradecer á minha cara metade pela cedência da sua viatura para nos transportar até á Zona Raiana......

Saída por volta das 15h15m, tarde de calor, boa disposição e vontade de passarmos mais um fim de semana no meio do BTT..... numa das zonas mais espetaculares que temos no nosso país....(Zona já antes explorada a 9 de Maio até ZARZA)...

Viagem calma com uma escala em Santarém para repor os níveis de cafeína.... chegada por volta das 18h25m..... com o Rodolfo e o Hélder já em terreno Raiano..... Após um "Olá" ao Rodolfo e ao Hélder fomos até á POUSADA da JUVENTUDE colocar as malas e verifica as condições logísticas para pernoitar.....primeira avaliação....4****.

Saída rápida para visitar esta bela localidade e mostrar ao Nuno a famosa Calçada....... recolhemos o Rodolfo e o Hélder e aí fomos... á Calçada.... e depois chegamos á conclusão que seria interessante ir ver as marcações de Monsanto.... (abençoada hora).....

Após a visita analítica e estratégica para o dia "D" voltamos a Idanha com o Osório já a desfalecer de fraqueza........

Primeiro levantar os dorsais, depois jantar (aqui só ficamos os 4 da origem)

Como o conhecimento da região não era aprofundado jantamos no bem conhecido Espanhol (local já escolhido em Maio)... jantar agradável convívio excelente e a continuação da boa disposição...... agora toca a começar a preparar os pequenos detalhes para o dia seguinte e aí fomos até á Pousada colocar os Dorsais nas BICLAS....

Após todas tarefas fomos passear e ajudar a remoer o jantar para que a noite fosse de descanso....... Recolha aos quartos 00h20m

Noite calma com um dormir acelerado e o ressonar de alguns a incomodar descanso de passarinho de outros....

Alvorada no quarto 206 ás 7h00 com o sino da Torre da Igreja...... vamos a isso que a malta está cheia de vontade....... pequeno almoço tomado, viatura de transporte colocada junto da zona dos banhos e vamos lá até á partida....

Inicio ligeiramente atrasado. O Nuno decidiu ir fazer a meia-maratona, e os restante fazer a Maratona.... bom ritmo, muito, muito e muito pó... pois a seca está aí e em grande escala, trilhos fantásticos, paisagens fenomenais e abastecimentos em grande qualidade e quantidade....

Falando da minha pessoa posso dizer que o receio era bastante grande pois o treino não tinha sido muito e o estado anímico também não estava em alta.... até ao 58 km..... tudo correu na perfeição junto com o Adalberto o percurso foi feito com alguma rapidez e com o deliciar das paisagens e respectivos trilhos.... a subida para o Monsanto inesquecivel.... mesmo inesquecivel.... pois a calçada Romana dura e com um grande grau de dificuldade técnica, após a entrada no alcatrão a subida foi toda feita com uma enorme satisfação tendo em conta a dificuldade e a superação da mesma..... boa Adalberto.... fomos imbatíveis.......

Grande passagem esta por Monsanto, sem palavras e com uma grande emoção..... gostei, adorei...... a descida seguinte dura e também um grande nível de dificuldade..... pensei eu prova superada chegada em glória..... no entanto e após um bom ritmo acelerado...... a quebra física por volta dos 58 km.... e aí começou o sofrimento, pois a subida da barragem até Idanha não deixa que que a recuperação fosse feita e as pernas já estavam com dores/ cambreas.... e sem força.....
mas mesmo assim chegada e essa também de grande nível..... no palco logo com a classificação disponível....

Para terminar e em nome dos PóTrillhos agradeço a companhia fantástica e sempre bem disposta do Adalberto e do Osório pois por certo sem eles o fim de semana não tinha sido tão fantástico.......

Aqui ficam as fotos:

Um abraço

Paranhos

domingo, 11 de outubro de 2009

Belem / Guincho - Out.2009


A desejada prova de Idanha-a-Nova aproxima-se, pelo que decidimos demonstrar aos nossos músculos, um pouco do que vão ter de sofrer.

Claro que não vamos ter estradas de alcatrão e passeios empedrados, mas a ideia foi ganhar ritmo, algo que nos tem feito falta, em especial a mim.

O percurso embora longo, não apresentou dificuldades, tendo permitido fazer uma média superior a 0 Km/h.
A marginal estava no seu melhor, bom tempo, paisagens dignas de mais tempo do que o que lhes dispensamos e como sempre a ciclovia de Cascais/Guincho ainda nos brindou com amantes do desporto ao ar livre, cuja pratica habitual deixa bem visível as suas marcas...

O regresso foi mais rápido, tendo apenas tido dois percalços, ambos na marinha de Cascais. O primeiro foi uma prova de perícia de clássicos de corrida e o segundo foi também uma prova de perícia, mas desta feita consistiu em reparar a corrente da bicicleta do Paranhos. No entanto como uma verdadeira equipa, soubemos responder ás exigências e seguimos caminho.

O regresso a Belém fez sobressair a diferença de ritmo entre nós, de tal forma que o Paranhos teve de dar 3 voltas a rotunda de Carcavelos, para aguardar por mim. Isto obviamente depois das paragens técnicas para atender o telemóvel.

Belém esperava-nos recheada de transeuntes e os nossos heróis de sempre, a Marília e Rita e o entusiasta David.

terça-feira, 6 de outubro de 2009

1º Treino CAPE EPIC 2019

Após um grande desgosto de não poder estar presente na Maratona do ATV de 2009, ficou decidido com o Rodolfo que na primeira oportunidade iríamos até Torres Vedras para fazer o gosto ao pedal....

O dia 4 de Outubro foi o escolhido, apesar da tentativa de envolvermos mais companheiros estes por razões diversas não puderam estar presentes....

Como se costuma dizer só faz falta quem está......e a verdade é que lá fomos os dois cheios de vontade e com a reposição dos níveis de cafeína logo ás 7h30m na bomba da Total na Silveira.....Como de grandes equipas se tratassem e penso que o nosso futuro ainda pode ser risonho, lá nos fizemos ao caminho até Torres Vedras, biclas prontas e vamos nós a eles (kms)....

O tempo estava excelente....a vontade era muita o ritmo era o possível (O Rodolfo já consegue colocar em prática todo o seu trabalho de ginásio). Na minha pessoa repara-se bem ao longe que os trabalhos de casa só têm sido feitos ao Domingos de manhã o que leva a que o Rodolfo ao cimo de cada subida estivesse a Olear a corrente a verificar a pressão dos pneus.......(desculpa lá Rodolfo mas a vida é assim...hoje por mim amanhã por ti....)....


Como os objectivos principais desta dupla é sem duvida o CAPE EPIC de 2019, eu repito para que não pensem que se trata de engano 2019....ou seja, temos 10 anos de planeamento, treino, suor, etc, etc, etc....

Voltando ao "treino" em si.... Posso afirmar que realmente o percurso estava muito bem marcado, pois a cal ainda estava bem visível apesar do 15 dias já passados, com uma primeira parte algo rolante, com a grande escalada a seguir ao Maxial....a colocar as pernas a tremer.....

Excelente manhã de Domingo, com uma excelente companhia e os resultados aparecerem....julgo que estes 10 anos serão muito duros com a grande expectativa de um bom resultado na África do Sul......

Fotos:

Paranhos

domingo, 27 de setembro de 2009

Foz do Lizandro btt - 27/Set./2009


Seis e meia da manha, o dia ainda estava um pouco escuro, o que me fez pensar "que grande pancada", a cama ali ao lado e eu a tomar o caminho da porta.

Depois do café fizemos-nos à estrada. O ponto de encontro foi na encosta norte da Praia de S. Julião ou Ericeira Sul, (como preferirem), que aquando da nossa chegada já estava recheada de "prós". O Rodolfo, o Paulinho, a Ana e o Victor, chegaram bem mais junto a hora de sair, mas o importante é que chegaram.

O grupo era grande, mas pouco passava das 8h20 quando começamos o passeio. Os primeiros 20 kms foram duros, embora nada de dramático. Obviamente que o meu distanciamento do núcleo do grupo ganhou algum significado, mas o Pedro estava perfeitamente a altura dos melhores. No entanto a melhor parte ainda estava para vir.

Depois de muito subir, descemos em direcção ao rio. Senhor de paisagens extraordinárias e trilhos fantásticos, sempre a exigirem muita atenção, quer pela sua beleza quer pelas armadilhas que se sucediam a cada pedalada.

A sucessão de furos, algumas quedas e a minha lentidão fizeram retardar a chegada as arribas da praia de S. Julião, cujo cheiro a mar começou a fazer-nos companhia muito antes que os olhos pudessem desfrutar dos seus tons de azul e verde.

Afinal valeu a pena deixar a cama tão cedo. Os Metralhas, os 100 Mãos e amigos foram fantásticos, muito pacientes e o espírito do btt prevaleceu durante todo o passeio.

Resta-me apenas agradecer a todos os que tiveram, (por diversas vezes), de estar à "espera do Nuno".

Aqui ficam as nossa fotos e do Rodolfo:

As fotos do Jorge:

E as fotos dos Metralhas:
video

NDraker e Paranhos
O pó dos trilhos alimenta-nos o ego.


domingo, 13 de setembro de 2009

5º Passeio btt Terrugem SNT - 13 Setembro 2009

Terrugem, mar e serra como fronteira.... inicialmente após a análise do site da organização pensei mesmo antes de sair de casa........vou fazer 30km... pois a preparação pós férias ainda não é a melhor....

No entanto e após sair de casa e verificar que o tempo estava fresco, a animação já era outra, após paragem em Barcarena (desta vez fui eu buscar o Nuno... raramente acontece) ....chegamos à partida.

Organização porreira, com indicações mesmo antes da Terrugem a indicar BTT, cruzamentos e rotundas.....logo aqui a sinalização estava aprovada.....o levantamento dos Dorsais (ás 8h) foi rápido apesar da minha inscrição não ter sido recebida!!!!

No acto do levantamento uma folha com os dois percursos assinalados e a respectiva altimetria.....aí....não pensei duas vezes...vou até São Julião (50 km) e em boa a hora o fiz...o Nuno não estava para aí virado....(Nuno 30km...Pedro 50Km) boa até aqui nos entendemos ou seja...lá mais para a frente e quando não houver alternativas de passeios podemos pensar em fazer os 30 ou os 50km....

O inicio e infelizmente não foi muito positivo pois a partida fez-se com quase 30 m de atraso...incompreensível pois o BTT é um passatempo e a família não merece que o almoço se atrase por causa de quem quis ficar mais meia hora na cama.....

Os primeiros Km`s foram muito rápidos e deram para alongar o pelotão não permitindo grandes engarrafamentos (pelo menos qd eu passei) algum alcatrão no entanto verificava-se que se tratava de colocar a malta nos trilhos..... o percurso estava relativamente bem sinalizado, no entanto todas as grandes alterações de direcções, estas não estavam sinalizadas, provocando alguns embaraços qd a velocidade era um pouco superior ao normal.... as descidas essas e algumas exigiam algum cuidado pois haviam muitas pedras, e a inclinação também era acentuada...... belas paisagens..... Praia do Magoito, Praia de São Julião......5 *****, ou seja, bastante positiva esta manhã...

Qt á participação do Nuno, pelo que sei e qd ia ao telefone comigo teve um pequeno descuido e PIMBA, CATRAPUMBA.... e cabeça no chão, a memória foi-se temporariamente o capacete já era........ o que não poderia ter acontecido caso o capacete tivesse ficado em casa!!!!!

Pois é, desta vez o capacete mostrou-me para que serve, tendo entregue a alma ao criador. Quanto a memória, pouco depois voltou ao normal, mais ou menos na altura em que foi apanhado pelo João Silva, com quem segui até ao fim do passeio.

No entanto o meu inicio foi um pouco diferente, a minha falta de velocidade deixou-me no meio do pelotão e com os aceleras a tentarem passar a todo o custo, de tal forma que ainda não tinha 2 kms concluídos quando foi arrastado para o chão por cima de um acelera que tentou passar entre dois quando o espaço não o permitia.

Acrescento apenas que antes de chegamos as fantásticas arribas, muitos dos trilhos tinham resíduos de construções caseiras e mesmo algum lixo, situação obviamente lamentável pelo que achei importante não deixar passar em branco.

Mas como disse o Pedro, manhã bastante positiva.

Fotos:

O pó dos trilhos alimenta-nos o ego.
Paranhos / NDraker

domingo, 6 de setembro de 2009

Casal de Barbas BTT - TRUCIFAL 6-9-09


Entre as vinhas e a Serra do Socorro era o chamaris deste passeio.....como primeiro passeio posso classificar de muito bom, pois apesar do percurso duro, a beleza e os trilhos eram de grande qualidade.....
Apesar de não ter a companhia habitual ontem qd decidi ir foi a melhor decisão que tomei pois por certo em 2010 caso se repita lá estarei.
A hora de inicio foi ás 9h30m, o calor já começava a apertar no entanto suportável, os pomares cheios de fruta (maças, pêras......) e as vinhas cheias de uvas...........sem duvida que foram uma excelente paisagem que me fez recordar os tempos de infância aonde a "CHINCHADA" fazia parte da diversão.......

Entre tanta subida sem duvida que a subida á serra foi divinal....a paisagem soberba......."Malta temos de lá ir vale a pena" como disse na altura a uns companheiros as minhas passagens pela A8 junto da Serra já não vão ser iguais, pois este dia irá ser recordado.......


Mais uma vez os objectivos foram ultrapassados.......
Sem duvida, gostei muito.....
35km duros e ao mesmo tempo espetaculares........

domingo, 30 de agosto de 2009

3º Passeio BTT Encarnação - 2009


Encarnação = Dureza......

Sim sem duvida que este é dos passeios da zona Oeste aonde as pernas mais tremem e aonde a bicla "geme"....

Manhã de sol com um calor abrasador.... e ainda duvidamos de qual o caminho a tomar, seria para a Encarnação ou iríamos até Santa Cruz dar um bom mergulho??? Mas, mais uma vez o vicio venceu.....

Saída de Alfragide ás 7h45m, chegada ás 8h30m, tudo corria dentro da normalidade.... inscrições rápidas e o encontro com o pessoal do costume, a Ana, o Vítor e o Paulinho..... quanto ao Rodolfo, o baldas... estava com dores de garganta (disse ele!!!!).

Percurso muito bem marcado, zonas de abastecimento muito bem apetrechadas (foi o passeio aonde parei mais tempo nestes locais de meditação).....

Percurso feito na companhia do Paulo (Trasmontano)..... realmente a preparação não era a melhor mas o objectivo é sempre o mesmo "Terminar sem aleijar"...

Realmente a dureza foi bastante, as temperaturas vaguearam entre o 35 e os 38 graus... o suor corria pelo rosto dificultando a visão.....

Os carros passavam com muitos BTT`istas ao não conseguirem aguentar com a dureza...... com muito esforço a Paulo seguiu até que ao Km +/- 38 quando as cambreas acabaram por vencer a resistência, aí cá fiquei sozinho.... desistir nunca.... pensei eu, vim eu de tão longe para não terminar.... não pode ser pensei eu...... ao km 42 eis que se aproxima a moto 4..... pensei eu ...o que é isto.... então o gajo não passa!!!!! pois não, eu era realmente o ultimo...........

Ao passar um cruzamento parei para falar com o "Bacano", cheguei á conclusão que realmente era e para não estar a empatar o pessoal todo, decidi entrar na carrinha....... as motos seguem e a limpeza das setas eram logo automaticamente realizada (5 estrelas), aí mais uma aventura...... éramos 3 pessoas e a carrinha só tinha 2 lugares....... depois de guardar a bicla o "bacano" vira-se e diz-me você vai cá atrás com a porta aberta!!!! aí eu pensei e disse.... "não, deixe lá mas eu vim não foi para andar de carrinha de-me lá a bicicleta que eu sigo....." e aí lá segui o caminho, com muitas dificuldades pois as marcações já tinham sido tiradas (infelizmente as garrafas no chão foram uma grande ajuda)... mas mais uma vez as dificuldades foram superadas.......

Apesar destas atropelias posso classificar esta aventura de excelente o que mais me vicia...... nestas aventuras

Não quero terminar dar o merecido descanso á minha nova companheira que tão bem se portou e que esta sem duvida foi a primeira de muitas aventuras......



Até para o ano......

Algumas fotos:

Paranhos / NDraker

terça-feira, 25 de agosto de 2009

2º Raid Faiscas BTT - S.Mamede da Ventosa


No passado domingo voltamos a rumar a S. Mamede da Ventosa.
Desta feita, pouco temos para escrever, pois a prova correu bem, mas foi muito pouco emotiva. Repetimos a passagem por muitos caminhos já antes navegados e a monotonia de paisagem foi companhia constante.
De salientar que o espírito bttista voltou a ser elevado ao seu mais alto expoente, por um bttista que a meio da prova, com a rapidez de um mecânico da formula 1, trocou o meu pneu de trás simplesmente pelo prazer de ajudar. Deixo aqui o muito obrigado e até breve.

Enquanto aguardamos pela publicação dos resultados oficiais e pelas respectivas fotos, aqui ficam as nossas.

O pó dos trilhos alimenta-nos o ego
Paranhos / NDraker

domingo, 16 de agosto de 2009

Serra de Sintra, at last...

Muitas semanas depois voltei a desafiar os trilhos da Serra de Sintra. O dia começou um pouco mais tarde do que estava previsto, porque Sintra é um pouco mais perto do que Torres Vedras, que afinal é o destino, mas só na próxima semana.

Desta vez escolhi como porta de entrada a Lagoa Azul, até porque por muitas vezes que tenha passado por perto, nunca tinha chegado a espreitar a Lagoa.

Ainda não tinha tirado a bicicleta de cima do carro, já estava á procura de uma câmara de ar, mas felizmente não era para a minha bike. Isto a juntar ao facto do novo amigo João Silva se ter esquecido do capacete na sua primeira tentativa de passeio, fez com que á partida tenhamos chegado a juntar três, mas nos primeiros 200 metros surgiu a primeira desistência, devido a um segundo furo.

O desanimo não nos afectou e eu e o João fizemos nos á "estrada".

A experiência e conhecimento eram claramente maiores por parte do João, pelo que vestiu o papel de guia da Serra e levou-nos para percursos fantásticos, recheados de paisagens como só a Serra de Sintra sabe brindar os seus transeuntes.

Alguns dos trilhos já os conhecia, mas grande parte foram inteiramente novos para mim.

Embora tenha estado uma manha quente, o calor não conseguiu ser um adversário á altura, muito por culpa dos trilhos cobertos de vegetação, que além de nos facilitar a tarefa, transporta nos para um clima de magia e misticismo que não se consegue transcrever.

Desta vez não tirei fotos, excepção feita a esta, que não resisti em tirar porque embora retrate um furo que precedeu de uma queda, não foi nada de grave, mas não se privou de deixar alguns arranhões quer na perna, braço e mão do João, quer na sua fantástica Scott.

Quero aproveitar para deixar um obrigado ao João, pelo passeio que nos proporcionou, pelas dicas que me deu e por fortalecer algo que muito aprecio no btt, que é o espírito de entreajuda.

O Mundo a minha volta
NDraker

sábado, 8 de agosto de 2009

As férias acabaram

Hoje foi dia de voltar a por á prova a minha maquina.

A bike acusou falta de óleo, o coração e os pulmões mostraram-se coordenados e na expectativa dos músculos ganharem ritmo rapidamente.

O percurso escolhido foi, Tercena, Guincho e regresso, passando por Caxias, Oeiras, Carcavelos, Estoril e Cascais.

O vento foi companhia constante e nem sempre no sentido desejado, mas a beleza da margem costeira é de tal forma deslumbrante, que compensa todas as adversidades.

Grande parte do percurso é feito no passeio, de forma a permitir desfrutar da vista.

Isto porque é proibido circular no passeio marítimo de Oeiras, Carcavelos e Estoril. Quanto a ciclovia, esta começa apenas um pouco depois da Marina de Cascais. Segue-se a Boca do Inferno e depois é sempre a "rasgar" até ao Guincho.

Claro que este percurso de btt nada tem, até porque pneus de estada teriam sido uma grande ajuda. No entanto com o aproximar do Guincho, deparei-me com a Serra de Sintra em plano de fundo, a fazer pensar que em breve tenho de a visitar.

O registo desta manha ficou pelos 62 kms em 4h13 minutos, que deu uma média de 15 km/h, com 45,7 km de velocidade máxima, 14 fotos, 2,5 litros de águas, 4 barras e sem furos. Claro que o prazer foi muito maior nos primeiros 30 kms, porque o músculos acusaram alguma falta de ritmo no regresso.

O amigo Paranhos, está a terminar a sua segunda semana de férias em Santa Cruz, mas mesmo de férias não deixa a sua Mérida de parte. No fim de semana passado, fez um passeio de bicicleta pelas praias da zona, que o encheu de orgulho. Isto porque levou o David e a Rita a percorrer 10 km a pedalar, pelo que aproveito para deixar aqui os meus parabéns aos dois novos bttistas.

O Mundo a minha volta.
NDraker

terça-feira, 21 de julho de 2009

Soltaria 11 Julho 2009

Sábado soalheiro e com um calor abrasador a convidar a malta a ir até á praia......afinal são 4 da tarde....No entanto e mais uma vez o vicio venceu o raciocionio lógico de qq individuo que nunca soube nem imagina o que é o BTT.

O grupo foi quase todo o habitual, no entanto existiu um pequeno detalhe, o Rodolfo foi até aos 15km, com a sua Maria pois os 45km para "ele" eram violentos (Rodolfo estou a brincar)......pois só nós sabemos a falta que fizeste para a foto-reportagem........
A Ana, o Vítor o Paulo e o Hélder lá estavam todos com a grande ambição da meta conquistarem nos 45km....
Sem duvida que foi uma Maratona com trilhos bem marcados e com uma beleza de enaltecer, 3 abastecimentos.....fantástico e ainda mais uma merenda no final....posso dizer que cheguei a casa quase jantado....
Os primeiros 15 km foram um bocadinho durinhos mas tudo se fez, em cima, em baixo e ao lado da bicla.....os restantes 30km foram menos duros mas também muito belos tanto em paisagem como em técnica............a companhia do Paulo ao longo de quase todo o percurso ajudou que a boa disposição também não falta-se.....
Com a passagem na praia de São Lourenço, parece-me que em linha recta este foi o local mais afastado da partida, aquela passagem junto ás arribas desde o Barril deixam qualquer ser humano de boca aberta e com vontade de brindar a tanta beleza.....

Sem duvida mais um percurso a repetir muito em breve, logo que o Nuno regresse do seu descanso pois sem duvida que vais gostar..........no entanto e sabendo que todas as forças estão a ser recuperadas, Nuno tens de ter em conta que a pedaleira pode não aguentar com tanta "gana".....
Um abraço

Paranhos


domingo, 5 de julho de 2009

Arribas 2009 (Malandros- Sobreiro Curvo)










"Malandros" significa boa organização, esta é a tese que depois de participar em mais um evento desta colectividade não tenho duvidas em afirmar.
Mais uma manhã em que tudo não podia correr melhor.....o tempo fresquinho e uns trilhos do melhor (eu que ando por esta zona e que julguei conhecer a maior parte dos trilhos cheguei á conclusão que afinal até aqui estamos sempre a aprender....)

Estando o Nuno de férias, a recuperar da época desgastante que teve e dos resultados muito superiores ao esperado, estas são sem sombra de duvida umas férias merecidas e de campeão......


Sendo assim fiz-me acompanhar do sempre bem disposto e aventureiro Miguel, pronto para bater o seu recorde pessoal do numero de km percorridos de uma só assentada, e não é que o moço conseguiu.....



A saída foi efectuada no Campo de Tiro, e a primeira parte percorremos toda a vila de Santa Cruz em pleno piso de alcatrão.....depois sim veio a zona de Mato aonde a areia dificultou o ritmo......mas nem isso fez desanimar o meu companheiro que todas as dificuldades ultrapassava como de um grande guerreiro se tratasse....

O pior nesta andança para o meu companheiro foi o equilíbrio, pois as quedas seguiam-se e o corpo massacrado resistia a todas estas adversidades....


Mas tenho de enaltecer o grande sacrifício pela prova superada e verificando pelo desempenho conseguido que brevemente caro Nuno temos um amigo para ir até ao CAPE EPIC.....

Seja bem vindo caro Miguel.......

No que respeita á restante prova a fasquia continuou alta e alta terminou pois para confirmar a opinião posso dizer.........tenciono repetir muito em breve todo o percurso......

Paranhos

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Passeio BTT_Vimeiro 1808 - 21 Junho 2009

Dia Soalheiro com o calor a apertar e a praia a chamar-nos para um bom banho..... mas o vício obrigou-nos a deixar esse prazer para depois e a dedicarmos a outro também ele de bastante molhado. Só que no lugar da água salgada é de suor a escorrer pelo corpo, só refrescado pela brisa das arribas de Stª Rita e de Stª Cruz.

Na partida lá nos encontramos todos, eu e o Nuno chegamos juntos, o Miguel já lá estava todo contente á nossa espera, depois chegou o Rodolfo e o Hélder, assim como o Vítor e a sempre bem disposta Ana, entre outros conhecidos destas andanças por trilhos já antes navegados pelo o Oeste. Sinceramente a vontade não era muita pois temia que o apertar do calor me iria obrigar a um sacrifício enorme para conseguir terminar.

A estratégia foi mesmo de passeio, muita conversa muito riso e muita boa disposição, pois afinal era isso mesmo que procurávamos...

O percurso estava muito bom, no entanto existiam algumas falhas nas marcações que poderemos considerar básicas.... para realmente demonstrar este ponto fraco imaginem marcações verdes em vegetação verde, como dizem os meus filhos dahhhhh...... Apesar de grande parte do percurso eu e o Nuno já o conhecermos é sempre bom recordar e ainda por cima com boas companhias......

Obrigado ao Rodolfo por todas as fotos que tirou e nos disponibilizou... para podermos ilustrar esta mini reportagem....

(olha lá Rodas, és mesmo vaidoso.........)

Para o Rodolfo, Miguel, Vítor, Ana e Hélder um bem haja pela vossa companhia.... nos 40km e ao Miguel nos 20km....

Aqui fica o link das fotos:

Até 2010...

Paranhos e Ndraker